06/07/2021

Técnica de enfermagem e presidente da Câmara de Tacuru promete apoio à categoria em visita ao Coren-MS

Conselho está chamando representantes políticos da enfermagem para debater necessidades dos profissionais em reuniões

Foi a primeira de uma série de reuniões que o Coren-MS está realizando com representantes políticos que atuam ou já atuaram na enfermagem

O Coren-MS convidou e a atual presidente da Câmara Municipal de Tacuru e técnica de enfermagem, Cirlene de Moraes de Jesus, visitou Campo Grande para debater as demandas da enfermagem da sua cidade e de todo o Mato Grosso do Sul. Em encontro com o presidente do Conselho, o Dr. Sebastião Duarte, ela declarou estar trabalhando em projetos que atendam as demandas mais urgentes da categoria e da Saúde.

A reunião ocorreu na semana passada e foi a primeira de uma série que o Coren-MS vai realizar com a participação de profissionais da enfermagem eleitos para cargos políticos no estado. A ação conta com o apoio do colaborador do Conselho, enfermeiro e ex-vereador Ederson Fritz, e tem como proposta conscientizar sobre as políticas necessárias para melhorar as condições de trabalho da categoria.

As principais necessidades da enfermagem no estado, segundo o Coren-MS, são: a instituição de jornada de 30 horas semanais para os trabalhadores da área; o reenquadramento funcional e formação complementar de auxiliar de enfermagem para técnico de enfermagem; e o dimensionamento de pessoal nas unidades de saúde.

“Entendemos que, quanto mais as condições de trabalho da enfermagem se aproximarem do ideal, mais os indicadores da Saúde melhoram e a sociedade é positivamente impactada”, argumentou o Dr. Sebastião durante a reunião.

Prioridade em Tacuru – A vereadora atuou durante sete anos como técnica de enfermagem no Hospital Municipal de Tacuru, e entrou na vida política com a motivação de fazer as mudanças que os colegas e a Saúde precisam. Em sua avaliação, o reenquadramento funcional é a prioridade para o município neste momento. “O prefeito já sinalizou apoio ao projeto de lei que vamos apresentar à Câmara para regulamentar o reenquadramento dos profissionais de enfermagem às suas funções, oferecer cursos de qualificação e consequentemente, valorizar salarialmente o trabalho árduo e feito com amor pela enfermagem”.

Os demais vereadores da Casa de Leis tacuruense apoiam o projeto, afirma Cirlene.

O município de Tacuru fica a Sudoeste de Mato Grosso do Sul e conta atualmente com 12 estabelecimentos de saúde, de acordo com dados do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde, mantido pelo Ministério da Saúde.