26/05/2020

Doação de 150 máscaras faciais recebida pelo Coren-MS será direcionada a profissionais

Técnicas de enfermagem receberam doações e entregaram a conselheiro para distribuição

O Coren-MS, que vem viabilizando doações de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) junto a sociedade civil para os profissionais da Enfermagem que estão combatendo a COVID-19, conseguiu mais 150 unidades de máscaras de proteção em acrílico para distribuição.

A técnica de enfermagem Alexandra entrega as doações ao conselheiro Cleberson Paião

A doação foi feita pelas técnicas de enfermagem Alexandra Vargas Alves e a Adriana Vargas Alves. O material foi enviado pela empresa Dello, onde trabalha o irmão das profissionais, Luís Gamarra.

“A empresa começou a fazer doações para várias cidades no início da pandemia, quando já se falava na falta de EPIs. Sabendo que trabalhamos na área da saúde, nosso irmão se sensibilizou e disponibilizou algumas unidades para repasse às instituições de Mato Grosso do Sul”, conta Alexandra.

Alexandra entregou as doações recebidas ao conselheiro do Coren-MS, Cleberson Paião, que irá levar as máscaras aos profissionais mais necessitados no estado. “Saindo do plantão, estava com as máscaras no carro e o encontrei no estacionamento. Pensei: não há melhor pessoa para saber onde realmente estão precisando”.

De acordo com o conselheiro, os EPIs recebidos serão entregues a unidades do estado onde há mais profissionais da Enfermagem expostos aos riscos de contaminação da doença causada pelo novo Coronavírus, como hospitais e unidades de pronto atendimento.

Máscaras de proteção – As máscaras faciais acrílicas são um tipo de EPI que protege profissionais da saúde ao realizarem procedimentos emissores de aerossóis. Elas formam uma barreira protetora contra gotículas que podem conter material viral.

As máscaras são laváveis e podem ser reutilizadas a cada plantão. Seu uso não dispensa o uso de óculos de proteção e de máscaras cirúrgicas ou do tipo N95, que devem ficar ajustadas à face conforme protocolos da Anvisa, Ministério da Saúde e instruções do fabricante.

Não é recomendado o rodízio da máscara de proteção acrílica entre colegas. Durante sua vida útil, deve ser utilizada por apenas um profissional.