14/05/2019

Dia 1 da Semana da Enfermagem na Capital teve minicursos e reflexão sobre política e gestão

A enfermeira e prefeita gaúcha Drª Fábia Richter proferiu a conferência de abertura

A programação da 8ª Semana da Enfermagem do Conselho Regional de Enfermagem de Mato Grosso do Sul (Coren-MS) em Campo Grande começou na manhã desta segunda-feira (13), reunindo seus membros, acadêmicos e profissionais, além de convidados especiais que representam a área da Enfermagem.

O primeiro dia foi de aprendizado, com os minicursos realizados de manhã e à tarde, e também de reflexão e debate sobre quais os papéis da política e do sistema de gestão de pessoas na profissão, com a conferência de abertura ministrada pela enfermeira e prefeita de Cristal (RS), Drª. Fábia Richter, à noite.

MINICURSOS

A Escola Técnica do SUS da Capital foi o primeiro ponto de encontro entre os ministrantes de minicursos e participantes, pela manhã. Dois temas foram trabalhados lá: “Classificação de risco”, com as Drªs. Deisy Adania e Suzicleia Strapason, e “Vigilância epidemiológica”, com o Dr. Everton Ferreira Lemos.

No início da tarde, começaram os minicursos “Promoção da saúde mental – O papel das redes sociais”, com Thiago Muller e Cláudia Mafaldi; “Boas práticas em administração de medicamentos”, com a Drª. Leilane Souza Prado Tair; e “Resgate em área remota”, com o Dr. Marcel dos Santos Nobre”. Eles foram realizados na Universidade Católica Dom Bosco (UCBD) e tiveram boa adesão entre os acadêmicos de Enfermagem da instituição.

Nos dois períodos, mais de 100 pessoas foram capacitadas, entre estudantes e profissionais que já atuam na área.

CONFERÊNCIA DE ABERTURA

A abertura oficial da 8ª Semana de Enfermagem na Capital ocorreu à noite e contou com a presença do presidente do Coren-MS, Dr, Sebastião Junior Henrique Duarte; da Coordenadora Estadual de Atenção Básica da Secretaria de Estado de Saúde (SES), Drª. Karine Cavalcante da Costa; dos vereadores Hederson Fritz e Cida Amaral; da gerente de Ensino e Pesquisa do Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian (HUMAP), Drª. Maria de Fátima Memberg Cheade; da Drªa. Keith Ramos Ferreira, da Divisão de Enfermagem da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau); e da coordenadora da Comissão Organizadora da 8ª Semana de Enfermagem da Enfermagem do Coren-MS, Drª. Lizandra Alvares Félix Barros. Os conselheiros Cleberson dos Santos Paião, Carolina Lopes de Morais, Virna Liza Pereira Chaves Hildebrand e Gismaire Aparecida da Costa Vacchiano também estavam presentes, acompanhando o evento.

O presidente do Coren-MS coordenou uma mesa formada pelos presentes, recebendo deles o reconhecimento do trabalho realizado pela autarquia federal e ressaltando a relevância de eventos como o que está sendo promovido. Ele aproveitou a oportunidade para falar da campanha Nursing Now, coordenada pelo Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) em parceria com o Centro Colaborador da OMS para o Desenvolvimento da Pesquisa em Enfermagem, vinculado à USP Ribeirão Preto. “É uma iniciativa que quer empoderar o profissional da Enfermagem, para que assuma uma voz de liderança, mostre que tem conhecimento científico e que desempenha um papel essencial na área da saúde, inclusive implantando inovações no seu dia a dia de trabalho”.

A Drªa. Fábia Richter deu então início à conferência de abertura, falando sobre o tema “Enfermagem, uma voz para liderar: saúde para todos”. Ela lembrou da trajetória profissional como enfermeira a contou como chegou ao cargo que ocupa hoje no Executivo Municipal. Graças à experiência adquirida na área da saúde e na atual posição política, ganhou uma visão ampla sobre a gestão de pessoas, uma ferramenta que considera essencial para que o trabalho de cada profissional alcance bons resultados.

Ela também destacou ao público a importância de o profissional da Enfermagem mostrar que possui conhecimento. “Não existe uma profissão que seja respeitada sem conhecimento. Além de cuidar com amor, é preciso conhecer. Assim também conquistamos espaço dentro da equipe de trabalho interdisciplinar”, pontuou. Sobre o poder de liderança que a Enfermagem tem, ela disse: “É a enfermagem aguerrida e sujeitada a trabalhar nos diferentes ‘Brasis’ que mantém o SUS funcionando. Nosso trabalho é nossa força de liderança”.

A estudante do curso de Enfermagem da UCDB, Rafaella Scaff, se surpreendeu ao perceber, a partir da palestra de Fábia, que são diversos os campos de atuação e de influência da enfermagem. “Não imaginava que poderia abranger tanto, ela nos ajudou a enxergar que os postos de atuação vão além dos mais conhecidos na nossa profissão. As falas dela que mais me chamaram atenção foram ‘não prometa aquilo que não pode cumprir’ e ‘sempre pesquise antes para saber se pode fazer aquilo ou não’”.

A conselheira Gismaire Aparecida Vacchiano complementa. “Falando da vivência dela na Enfermagem e de como é fazer política na região dela, mostrou às pessoas que é preciso correr atrás, buscar outros objetivos e caminhos para seguir. Tem que ter metas e força de vontade”.

No encerramento, a prefeita gaúcha e o presidente do Coren-MS deixaram aos presentes a mensagem de que é possível trabalhar de forma diferente e buscar o crescimento no exercício profissional por meio da formação continuada, da participação ativa no conselho profissional e também na política, como é o caso de Richter.

A 8ª SEMANA CONTINUA

A 8ª Semana da Enfermagem segue com programação em Coxim, nesta terça. A de Campo Grande termina na noite de amanhã (15). Nesta quinta (14) e sexta-feira (15), será em Nova Três Lagoas. O evento passará também por Ponta Porã (20 e 21/5), Naviraí (23/5), Nova Andradina (24 e 25/5) e Corumbá (30 e 31/5). Ao todo, o Coren-MS promove atividades em oito municípios do Estado este mês, contando também com Dourados, que recebeu atividades nos dias 8 e 9.

 

Confira abaixo a galeria de fotos do primeiro dia em Campo Grande:

 





  • BannerLateral/e-dimensionamento
  • BannerLateralAnjosEnfermagem
  • banner_anaiss1-e1349203955613
  • BannerLateralMunean
  • vagas enfermagem